SALVADOR

Salvador de todos os santos, de Nosso Senhor do Bonfim, dos mulatos inzoneiros e das morenas de curvas sinuosas. Se existe uma terra onde a miscigenação reina onipresente, esse lugar é Salvador, a capital do estado da Bahia. A intensa mistura de crenças e raças recriou uma gente temperada pela alegria e marcada pelo contraste. Deve ser por isso que esse reduto da efervescência turística e cultural se estabeleceu como ícone mundial da cultura, da hospitalidade e de belezas naturais infindáveis.

 

O que não falta a Salvador são atrações, prova disso, são as praias, os museus e as construções seculares. Em Salvador, há ainda um amplo leque de atividades para relaxar ao ar livre, aliando exercícios ou uma simples caminhada a um passeio em área verde e conservada nos parques locais.

 

Na gastronomia, Salvador também é líder de aprovação nacional e internacional. Dessa miscelânea cultural nasceram iguarias renomadas e saborosíssimas. Dentre as comidas típicas da Bahia impossível não lembrar do vatapá, acarajé, das iguarias à base de dendê, leite de coco, gengibre e pimenta que dividem espaço com os restaurantes especializados nas cozinhas italiana, japonesa, chinesa, francesa, mexicana, mineira e sertaneja.

 

Como a maioria das cidades nordestinas, o forte de Salvador é o artesanato, dos artigos simples, aos mais requintados. Os artesãos exploram bastante a religião, crenças e superstições em suas obras. Esculpem imagens de santos católicos e do candomblé, além de patuás, figas e trevo de quatro folhas. O berimbau e os tambores d'água, ambos conhecidos no mundo inteiro como itens “tipicamente baianos”, também integram o vasto currículo artístico soteropolitano. As fitinhas do Bonfim são extremamente requisitadas e ótimas opções para você levar de lembrança. 

Please reload

  • Facebook Classic

SOU. Você, onde sempre sonhou, do jeito que sempre quis.

Desenvolvido  por  azzo.com.br